marca do Jornal A TARDE

 
http://maisti.atarde.com.br/wp-content/uploads/2018/01/imgartigo-960x600_c.jpg

Relatos de um Desenvolvedor de Sistemas


Escrito por: Juliano Schaidhauer


Gosto de considerar o desenvolvimento de software uma arte, pois entendo que desde o analista de sistemas, a equipe de implementação e até o cliente, devem estar dispostos a produzir algo com fluidez, excelência e criatividade.

O levantamento das informações é como uma sessão de terapia, temos que estar lá por inteiro. O fornecedor de requisitos, quase sempre o cliente, precisa falar tudo, inclusive o óbvio. O óbvio para ele não é o óbvio para nós e é aí que começam os prazeres desse negócio, temos a oportunidade de conhecer um novo mundo a cada novo projeto. O analista de sistemas deve conseguir extrair esses detalhes e normalmente não consegue fazer isso em apenas em uma sessão, precisamos de algumas sessões a depender do tamanho do projeto. Com a experiência, vamos aprendendo a entender o projeto com maior facilidade, as experiências vão se conectando e facilitando compreensão do teórico se transformando em digital. Claro que temos que cuidar para isso não trair a percepção do projeto e fazer com que você esqueça de perguntar algo por parecer óbvio.

A implementação desses requisitos e necessidades é onde o artista está jogando a tinta na tela, uma etapa que deve ser tratada com carinho de uma equipe concentrada e atenta aos detalhes. Pode ser descontraída mas deve ser precisa na construção do projeto, pois neste momento estaremos materializando o sonho.

Outra etapa bacana é a fase de testes, talvez uma das mais importantes para que todo o sonho não comece a virar um pesadelo. Nesta fase passamos o pente fino, ajustamos alguns detalhes que irão fazer a diferença na utilização do produto final.

Considerando estas etapas de levantamento, implementação e testes finalizadas vamos para a etapa de entrega. Aqui é onde vamos realizar o sonho entregando ao nosso cliente um produto e quase sempre uma oportunidade de fazer o trabalho dele ficar mais simples e prazeroso.  Nunca encomendei um quadro, mas já encomendei uma marca, um design e projetos de outras naturezas e este prazer de receber e perceber que o sonho foi materializado é fantástico.

Acredito que quando as equipes, cliente e fornecedor trabalham em sintonia a conclusão é encantadora.

Quis compartilhar um pouco da paixão que tenho por esta área que realiza sonhos, otimiza os negócios e simplifica o mundo!

Victor Mansur

Outras postagens de

1 resposta

  • André Almeida em 21 de Janeiro de 2018, 22:50:26

    Parabéns pelo belo texto meu amigo! Realmente entregar um software seguro e de qualidade pro cliente passando por todo o ciclo de vida da construção é estressante (muitas das vezes), mas também muito recompensador.
    Grande abraço!

    Responder para André

Menu